Visite o site da edição 2011

Primeiras impressões sobre a mostra Espantomania

| quarta-feira, 22 de dezembro de 2010 | 7 comentários |
                                                                                                                                                       Primeiramente gostaria de ressaltar o fato de que administrar uma mostra de cinema de gênero na periferia foi uma experiência inesquecível e que me preencheu (além de cabelos brancos) com uma satisfação imensa. Não vou dizer que foi fácil e divertido e em certos momentos cheguei a pensar que tudo iria por água abaixo, mas graças a minha parceira R. Raven (que agüentou meu péssimo humor no decorrer da organização da mostra) e a presença de valorosos amigos no circuito alternativo posso dizer que o projeto foi um total sucesso tanto para a região quanto para o próprio gênero Horror, marginalizado e jogado às bordas como subcultura por pseudo intelectuais e críticos frustrados.

Mesmo com uma saraivada de eventos que ocorriam na Casa de Cultura Palhaço Carequinha (ensaio de escola de samba, formatura de criança, encontro de violeiros e show de forró universitário) a meta da Mostra Espantomania foi alcançada: assombrar o bairro do Grajaú (SP).

Foram quase 20 horas de exibição de curtas de diversos países, mostras competitivas, sorteios, atividades culturais e sociais, bate papo e curiosidades sobre o gênero horror/fantástico em dois dias que “tocaram o terror” na periferia da zona sul de São Paulo. O evento contou com a participação de feras no assunto como Adriano Siqueira (escritor e colecionador de artefatos sobre vampiros), Alfer Medeiros (escritor, Fúria Lupina Brasil), Lord A (DJ e promoter), Soira Celestino (escritora, Antologia UFO: Contos Não Identificados), e Renato Rosatti (colunista e editor do fanzine Juvenatrix) e a presença de alguns diretores como Marcos T. R. Almeida (Devaneios do Conde Lopo), Marcio Desideri (Torre Sangrenta) e Renato Santos (Cativeiro). A primeira edição da mostra começou um tanto tímida (quase 50 pessoas juntando os dois dias), mas interagiu bem com os convidados e filmes exibidos no local participando de quase todas as atividades. O projeto “Monstros que Salvam” conseguiu angariar 10 quilos de alimento com a estréia de seu Quiz do Horror e deixando aqui registrado que o “Monstros que Salvam” não ficará ligado somente ao Espantomania e sim a quaisquer evento que quiser levantar esta bandeira em prol da luta contra a fome.

Infelizmente a minha palestra sobre “Maquiagem de Horror” teve de ser cancelada, pois a sala que havíamos reservado teve de ser tomada novamente para um ensaio de violeiros que aconteceria no local, mas de resto todo o dia foi repleto de novidades e convidados. Após a apresentação do documentário “Sangue Marginal” e uma sessão de fotos no saguão do CineGrajaú apresentamos ao público a sessão Panoramacabro que exibiu curtas dos mais diversos cantos do mundo como “See the Dead” (Robert W. Filion, USA), “Naturaleza Muerta” (Rafa Dengrá, Espanha), “Zero Day” (Javier Gomez, Espanha), o curta nacional “Coagula” (Carlos G. Gananian, Brasil), e os magníficos “Rare Exports Inc.” (Jalmari Helander, Finlândia, e que acabou com o Natal de algumas crianças presentes... hehehehe) e “Mamá” (Andres Muschietti, Espanha ).

Mas além de momentos gloriosos e de realização pessoal a mostra Espantomania foi assombrada pelo espírito maligno de uma perigosa entidade chamada “Zica”. As manifestações ocorreram no ar condicionado da sala de cinema que insistia em “batizar” os espectadores desavisados com uma chuva de gotas geladas. O problema só foi resolvido ocupando as cadeiras afetadas pelas goteiras do aparelho de ar condicionado com baldes de plástico. Os baldes chamaram tanta atenção que os batizamos como Boris, Bela e Chaney (sic.).

Outro “caroço” que tivemos foi com a aparelhagem da sala de exibição. Como, por motivos que desconheço, o CineGrajaú não tem  acesso direto ao projetor e como substituto utilizamos um amplificador e um datashow alguns trabalhos ficaram com sua qualidade real danificada, como foi o caso do curta metragem “Torre Sangrenta”, de Marcio Desideri, que teve seu som alterado por não ser compatível com o aparelho de DVD utilizado na exibição, mas mesmo assim teve uma votação fechada e recebeu o prêmio “Revelação 2010”. E para finalizar, a votação para a mostra competitiva de longas e média-metragens teve um final inusitado: a exibição foi alterada devido à falta de público no local. Para não perdermos o horário e os participantes não perderem sua chance a equipe do Espantomania se reuniu com alguns dos diretores que ficaram até o final da mostra (que terminou as 21:00 horas) e resolvemos fazer uma sessão fechada somente para votação.

No domingo o sol já estava castigando e chegamos com certo atraso (tá bom... foi com uma hora de atraso!) e os valorosos guerreiros do underground Renato Rosatti, Alfer Medeiros e Adriano Siqueira já estavam no local se refrescando na sorveteria que fica em frente ao CineGrajaú. Algumas mudanças de horário foram feitas e o Bate Papo com o Horror teve seu início sem problemas. A mesa-redonda contou com a presença de Alfer Medeiros, Renato Rosatti, Adriano Siqueira e Lord A e a mediação ficou por conta do abominável Iam (Gore) Godoy que mesmo com ocasionais “brancos” no meio da conversa conseguiu, junto com os convidados, divertir e apresentar ao público curiosidades da mitologia do gênero Horror como cemitérios por debaixo de bairros nobres do centro de São Paulo, parentescos macabros de alguns diretores de cinema com assassinos seriais, filmes trash, mãos humanas (?), revistas e quadrinhos antigos sobre o gênero, alienígena Bilú, melancias e flores-vampiro entre outras “esquisitices” que só uma mesa-redonda com grandes nomes do horror alternativo poderia proporcionar.

A segunda sessão do Panoramacabro contou com a exibição dos curtas Delenda Est Genesis (Rafa Dengrá, Espanha), Hostel (Anish John, India), o magnífico Ataque de Pânico (Fede Alvarez, Uruguai), Coleção de Humanos Mortos (Fernando Rick, Brasil, e que causou certo “desconforto” na platéia... heheheheh) e 06 Tiros; 60 ml (Kapel Furman, Brasil). Na hora do “Quiz Especial: Filmes de Horror”, os participantes concorreram a livros de horror e ficção científica doados pelos escritores e parceiros da mostra como a antologia Metamorfose: A Fúria dos Lobisomens (antologia da Ed. All Print), UFO: Contos Não Identificados (antologia da Ed. Literata), Na Última Lua Cheia (André Bozzetto Jr.), Abençoado (Juliano Sasseron), Aos Olhos das Morte (Marcelo Amado), Sementes no Gelo (André Vianco) e Fúria Lupina (Alfer Medeiros) além de exemplares das revistas Boca do Inferno.Com, Geração X e Fangoria (importada) respondendo a perguntas e pegadinhas sobre filmes de terror em geral.

No final da mostra mais uma surpresa. O documentário “Maldito!”, que conta a trajetória do diretor e cineasta José Mojica Marins (mundialmente conhecido como Zé do Caixão) acabou por não ser exibido por um triste motivo: falta de interesse do público que não compareceu à sessão e só restou a equipe da produção desmontar o material de exibição e seguir o caminho de casa, orgulhosos por mais esta realização que mesmo repleta de obstáculos fechou com chave de ouro o ano de 2010.

SOBRE A VOTAÇÃO DA MOSTRA COMPETITIVA

Tirando os problemas decorrentes da aparelhagem do espaço cultural e os eventuais “tropeços” da organização da mostra (pôxa gente, foi nossa primeira vez!) as votações da 1° mostra de curtas de horror/fantástico do Grajaú foram de vento em popa. Depois de escravizar os diretores e espectadores por algumas horas na sala de exibição e passar a madrugada toda contando votos com litros de café e energéticos ao lado finalmente vamos apresentar os vencedores da mostra competitiva do Espantomania. A divulgação das colocações 2° e 3° lugar na mostra competitiva não terá caráter de premiação e sim apenas informações técnicas de como foi o andamento dos demais curtas inscritos na mostra na hora das votações.

Preparem-se para emoções fortes...


MOSTRA COMPETITIVA DE CURTA-METRAGENS


PLACA HORRESCO REFERENS PARA A MELHOR MAQUIAGEM:


FILME:  Behemoth.
DIRETOR:  Carlos G. Gananian.
CIDADE:  São Paulo.
2° E 3° LUGAR: Torre Sangrenta e Gato.



 PLACA HORRESCO REFERENS PARA A MELHOR EFEITO:


FILME:  O Livro de Jô.
DIRETOR:  Renato Rodrigues.
CIDADE:  São Paulo.
2° E 3° LUGAR:  Lua Perversa e You Bitch Die!.



PLACA HORRESCO REFERENS PARA A MELHOR ROTEIRO:


FILME:  A Carne.
DIRETOR:  Dimitri Kozma e Geisla Fernandes.
CIDADE:  São Paulo/Vancover.
2° E 3° LUGAR: Akai e Lua Perversa.



PLACA HORRESCO REFERENS PARA A MELHOR  DIREÇÃO:
*Empate técnico*


FILMES:  Gato e A História de Lia.
DIRETORES:  Joel Caetano e Rubens Mello.
CIDADE:  São Paulo/Guarulhos.
2° E 3° LUGAR: Akai e Fale Comigo.



PLACA HORRESCO REFERENS PARA A MELHOR TRILHA SONORA:


FILME:  Damballah Negra.
DIRETORES:  Iam Godoy e Alexandre Ribeiro.
CIDADE:  São Paulo/Mauá.
2° E 3° LUGAR: You Bitch Die! e  Moonlight Sonata.



PLACA HORRESCO REFERENS  - REVELAÇÃO 2010:



FILME:  Torre Sangrenta.
DIRETOR:  Márcio Desideri.
CIDADE:  São Paulo.



MOSTRA COMPETITIVA DE MÉDIA E LONGA-METRAGENS

Por causa dos problemas de horário as votações da mostra competitiva de médias e longas-metragens foi de caráter fechado entre os organizadores da mostra e alguns convidados. Esta foi a única forma de seguirmos em frente com esta etapa da votação das mostras competitivas e assim dar espaço aos diretores que enviaram seus trabalhos para inscrição. Desculpem-nos pelas alterações.

PLACA HORRESCO REFERENS PARA A MELHOR MAQUIAGEM:



FILME:  Mangue Negro.
DIRETOR:  Rodrigo Aragão.
CIDADE:  Perocão (ES)



PLACA HORRESCO REFERENS PARA A MELHOR ROTEIRO:



FILME: O Inimigo.
DIRETORES:  Alexandre Ribeiro e Lexy Soares.
CIDADE:  Mauá.



PLACA HORRESCO REFERENS PARA A MELHOR  DIREÇÃO:



FILME:  Era dos Mortos.
DIRETOR:  Rodrigo Brandão.
CIDADE:  Minas Gerais.




E para finalizar este post deixarei aqui uma lista das pessoas que deram vida a Mostra Espantomania divulgando os cartazes, trocando as datas, doando materiais para o projeto "Monstros que Salvam" e encorpando o evento com suas presenças. O sucesso da mostra é de vocês...o Horror agradece!!!

RENATO ROSATTI
ADEMIR PASCALE
GERSON BALIONE
ALFER MEDEIROS
SOIRA CELESTINO
ADRIANO SIQUEIRA
MARCIO BARALDI
LEBOS RIBEIRO CHAGURI
BELL BONE
MÁRCIO BONIFÁCIO
LUCIANO REIS
DAIENE DE ÂNCORA
CAMILLA LENORA
LORD A
MILADY XENDRA
MARCOS T. R. ALMEIDA
IGOR OLIVEIRA BARROS
RENATO SANTOS
MÁRCIO DESIDERI
RENATO ARAGÃO
JOÃO SANTOS
WAGNER MOLOCH
ALEXANDRE TIOSSI RIBEIRO
RYNALDO PAPOY
RODRIGO BRANDÃO
AUDREY MARTILIANO
LUCAS SÁ
DIMITRI KOZMA
RUBENS MELLO
JOEL CAETANO
ANDRÉ BOZZETTO JR.
PETER BAIESTORF
RENATO RODRIGUES
SITE AERIS
BLOG DIGITAL RIO
BLOG HEADTHRASH
BLOG GUARDIÕES DE ADRIANA
BLOG OS 4 ELEMENTOS
BLOG CAPACITOR FANTÁSTICO
CINE PERIFERIA CRIATIVA
BLOG SIMBOLOGIA MALDITA

Veja a programação revisitada do Espantomania

| sexta-feira, 17 de dezembro de 2010 | 0 comentários |
 

SÁBADO – 18 DE DEZEMBRO DE 2010

10:00 – APRESENTAÇÃO DA MOSTRA E EXIBIÇÃO DE DOCUMENTÁRIO. Uma rápida apresentação do que a Mostra Espantomania tem a oferecer aos espectadores seguida da exibição do documentário “Sangue Marginal”, dirigido por Bruno Russo Simonetti e Marco Antonio Vaz de Oliveira Filho.

11:15 – PANORAMACABRO: MARATONA DE CURTAS DOS QUATRO CANTOS DO MUNDO. Uma seleção de curtas de diversos países e culturas diferentes, mas todos com a mesma premissa: assustar e entreter o espectador.

See the Dead - Direção: Robert W. Filion, 15 min., USA, 2008. Sarah acorda num mundo morto. Ela luta com os seus traumas emocionais e ainda deve sobreviver ao avanço das criaturas devoradoras de carne humana em seu encalço.

Naturaleza Muerta Direção: Rafa Dengrá, 4'25, Espanha, 2007. Nathan A. é um artista renomado e suas obras valem milhões. Sua especialidade artística é a natureza morta.

Rare Exports Inc. - Direção: Jalmari Helander, 8 min., Finlândia, 2003. Uma empresa peculiar que se dedica a fazer raras exportações. "Rare Exports Inc." (2003), originalmente concebido como presente de final de ano para os clientes da Woodpecker Film ganhou prêmios como melhor curtametragem na XVI Semana de Cinema Fantástico e de Terror de San Sebastián e foi nomeado com o prêmio Méliès de Ouro como o melhor curta fantástico europeu.

Zero Day – Direção Javier Gomez, 7’30”, Espanha, 2005. "Eles farão catedrais dos nossos cemitérios e sepulturas das nossas cidades... As advertências vieram de seu planeta. Eles viajaram por muitas galáxias... até que nos encontraram”!

Coagula - Direção: Carlos G. Gananian, 3 min., Brasil, 2005. Em um galpão abandonado um assassino que usa uma máscara de cera tortura uma mulher utilizando um líquido que não deixa o seu sangue coagular, prolongando assim o sofrimento da vítima.

Mamá - Direção: Andres Muschietti, 3 min., Espanha, 2008. Duas crianças de personalidades diferentes, mas com algo em comum. Um medo sobrenatural da mãe. Este curta assustador foi tão bem recebido nas mostras em que foi exibido que o próprio Guilhermo Del Toro (“Labirinto do Fauno” e “O Orfanato”) anunciou que produziria um longa baseado no trabalho de Andres Muschietti.


12:20 – PALESTRA E DICAS SOBRE MAQUIAGEM DE HORROR. Um bate-papo descontraído sobre técnicas de maquiagem gore e efeitos especiais de horror com Iam Godoy.


13:00 – INÍCIO DA MOSTRA COMPETITIVA DE CINEMA DE HORROR/FANTÁSTICO DO GRAJAÚ. Mostra Competitiva de curta-metragens de horror/ fantástico.

MOSTRA COMPETITIVA DE CURTAS


13:00 - Akai (horror/ficção, 2006, São Paulo/BR, 20 min., Direção: Carlos G. Gananian). O filme conta a história de um vampiro que luta contra sua natureza, vivendo em eterno conflito, buscando evitar seus instintos naturais.


13:23 - Abate (ficção/horror, 2009, Maranhão/BR, 14’10”. Direção: Lucas Sá). Abate: corte, extenuação, redução, retirada quase abrupta da vida do orgânico... Matança!


13:40 - Fale Comigo (horror/ficção, 2009, São Paulo/BR, 09’04”, Direção: Audrey Martiliano, Renata Agudo). Fábio está tendo problemas em seu relacionamento com Mariana. Ao mesmo tempo fenômenos estranhos e alucinações de um passado perturbador vêm assombrá-lo, levando-o a uma encruzilhada.


13:52 - Lua Perversa (horror/lobisomem, 2008, Pinhalzinho/BR, 26’17”, Direção: André Bozzetto Jr.). No início do século XX, um homem decide visitar alguns parentes no interior. Uma história de lobisomem tipicamente brasileira, baseada no folclore gaúcho, mas contada de uma forma diferenciada.


14:20 - Gato (ficção/horror, 2009, São Paulo/BR, 20 min., Direção: Joel Caetano). Um conto de terror sobre um homem, um gato e muito sangue!


14:43 - Behemoth (horror, 2003, São Paulo/BR, 5'40'', Direção: Carlos G. Gananian). Um estranho ritual de magia negra acaba tornando-se um pesadelo de conseqüências desastrosas para um fiel orador.


14:52 - You Bitch Die! (ficção/horror, 2009, Maranhão/BR, 02’49”, Direção: Lucas Sá). Homenagem em forma de trailer dos filmes B (trash) dos anos 70/80.


14:57 - Torre Sangrenta (horror, 2010, São Paulo/SP, 09’02”, Direção: Marcio Desideri). Na Torre Sangrenta, condessas e rainhas foram decapitadas e desde então ela é assombrada por um terrível bobo da corte. Paula deve fugir imediatamente da sanha deste espírito atormentado.


15:09 - Horror Capiau (horror, 2007, São Paulo/BR, 8’46”, Direção: Dimitri Kozma). Um caipira cego usa um rapaz com problemas mentais para caçar jovens mulheres que se aproximam de uma pousada escondida no meio de uma fazenda.


15:20 - Damballah Negra (horror, 2009, São Paulo-Mauá/BR, 12 min., Direção: Alexandre Ribeiro e Iam Godoy). Um grupo de jovens mochileiros encontra um livro junto de um cadáver e liberam uma maldição que transformará suas férias num pesadelo sem fim.


15:35 - A História de Lia (ficção/horror, 2010, Guarulhos/BR, 13 min., Direção: Rubens Mello). Lia é uma adolescente que vive num lar doentio e violento. Para fugir das freqüentes tensões do dia a dia, ela se envolve com um grupo de jovens marginais e acaba por se entregar às drogas. Mas a tragédia se desencadeia quando ela é possuída por sua amiga invisível.


15:50 - O Livro de Jó (horror/zumbis, 2010, São Paulo/BR, 08'34'', Direção: Renato Rodrigues). Jó volta para casa para encontrar seus familiares contaminados com uma doença que os transformou em zumbis alucinados e disformes. Acreditando ser uma obra do “mal” ela começará a eliminar uma bala por vez todos aqueles que ama.


16:05 - Devaneios do Conde Lopo (horror, 1997, Mauá/BR, 16 min., Direção: Marcos T. R. Almeida e José Salles). Uma noite sobrenatural na companhia de Conde Lopo, personagem criado por Álvares de Azevedo e revivido por Marcos T. R. Almeida, diretor e produtor da Corvo Produções. Mostra Competitiva de média e longa-metragens de horror/ fantástico.

16:25 - Moonlight Sonata (ficção, 2010, Minas /BR,  7'17", Direção: Wagner Moloch). Um olhar que observa, busca, perdido, não compreende, um suicida que navega eternamente no local onde deixou a matéria, agarrado-se as grades, ao passado... desesperado, luz da vida que se esvai....

16:35 - A Carne (drama/horror, 2008, São Paulo/BR, 20 min., Direção: Dimitri Kozma). Giorgio e Karina são recém-casados que optaram por tentar uma vida mais calma em uma fazenda. A tranquilidade é interrompida para dar lugar a um jogo de mistério que expõe as diferenças dos parâmetros de discernimento da realidade, levando a resultados extremos.

17:05 - Cativeiro (horror/thriller, 2010, Guarulhos/BR, 10'03", Direção: Renato Santos). Vídeo encontrado na Usina de Reciclagem de Lixo na zona Norte de Guarulhos. Se você conhece alguma das pessoas mostradas aqui, entre em contato com o Dpto. de Homicídios e Pessoas Desaparecidas.

MOSTRA COMPETITIVA DE MÉDIA E LONGAS


17:18 - Mangue Negro (horror/zumbis, 2009, Perocão/BR, 105 min., Direção: Rodrigo Aragão). Certo dia, em uma comunidade de pescadores e catadores tão pobres quanto fora do tempo, a natureza resolve mostrar seu lado macabro. Do manguezal de onde sai o mísero sustento emergem zumbis canibais.

19:10 - Era dos Mortos (horror/zumbis, 2010, Minas Gerais/BR, 42 min., Direção: Rodrigo Brandão). Durante uma epidemia de zumbis, seguimos a trajetória de um cara e das pessoas que ele encontra pelo caminho. Só que eles não formam um grupo de sobrevivência e se ajudam, na verdade acontece o contrário.

20:00 - O Inimigo (ficção/thriller, 2008, Mauá/BR, 30 min., Direção: Alexandre Ribeiro e Lexy Soares). Um jovem usuário de drogas enfrenta um processo de depressão, atormentado por pesadelos onde se depara com um homem mascarado que o persegue, obrigando-o a enfrentar seus demônios interiores.


DOMINGO – 19 DE DEZEMBRO DE 2010

10:00 horas - PALESTRA E DICAS SOBRE MAQUIAGEM DE HORROR. Um bate-papo descontraído sobre técnicas de maquiagem gore e efeitos especiais de horror com Iam Godoy.

11:00 - PANORAMACABRO: MARATONA DE CURTAS DOS QUATRO CANTOS DO MUNDO. Uma seleção de curtas de diversos países e culturas diferentes, mas todos com a mesma premissa: assustar e entreter o espectador.

Delenda Est Genesis – Direção: Rafa Dengrá, 19’57” ,Espanha, 2006. Máquina, uma assassina profissional que sobrevive em um mundo tomado por uma toxina que revive os mortos, recebe um envelope negro com uma missão especial que irá mudar sua vida para sempre.

Hostel : Direção - Anish John, 11'12", India, 2006. Em uma escola indiana um trote com uma nova estudante pode trazer conseqüências terríveis. Dirigido e escrito por Anish John em 2006, “Hostel” traz uma atmosfera tétrica aos efeitos da prática de “bulling” escolar.

Colecionador de Humanos Mortos – Direção: Fernando Rick, 20 min., Brasil, 2005. Um assassino violento coleciona humanos mortos numa "sala de tortura", no sotão de sua casa, onde primeiro se diverte infligindo dor às suas vítimas influenciado pelas personificações do ódio, da insanidade e da luxúria.

Ataque de Pânico - Direção: Fede Alvarez, 4'47”, Uruguai, 2009. Este incrível curta metragem é uma criação do uruguaio Federico Álvarez, da MURDOC Films.Federico Alvarez gastou 300 dólares e 6 meses de seu tempo para dirigir e animar em 3D este curta que chega a assustar. Neste video gigantescos robôs invadem Montevideo (Uruguai) destruindo em seu caminho pontos turísticos do país como a Torre de Antel, o Palácio Legislativo e algumas avenidas.

Zombies and Cigarettes – Direção: Rafael Martinez e Iñaki San Roman, 17’36”, Espanha, 2008. Na Espanha, um vírus transforma todos num shopping center em zumbis assassinos exatamente no dia em que Xavi vai pedir a garota dos seus sonhos em namoro.

06 tiros, 60 ml – Direção: Kapel Furman, 16 min., Brasil, 2005. Um perigoso traficante de drogas é morto por overdose. O cadáver está num hospital à espera de uma autópsia, e misteriosamente retorna à vida, iniciando um massacre entre os funcionários.


12:00 – BATE-PAPO COM O HORROR. Uma assustadora conversa com profissionais do gênero como Alfer Medeiros (escritor), Lord A (DJ e promoter), Renato Rosatti (colunista e fanzineiro), Adriano Siqueira (escritor) e outros monstros do cinema e literatura fantástica mediada por Iam Godoy, do site Gore Boulevard.


13:20 – QUIZ SANGRENTO: AS RESPOSTAS CERTAS VALEM LIVROS DE HORROR E SCI-FI. Qual o nome do assassino do 1° filme da saga “Sexta-feira 13”? “Epidemia” é um filme de zumbis”? Em qual mão Freddy Krueger usa sua luva de lâminas? Responda as perguntas corretamente e concorra a livros e DVD’s de horror e ficção-científica.


14:15 – SESSÃO REPETECO – REPRISE DO FILME “MANGUE NEGRO”, DE RODRIGO ARAGÃO.


17:20 – ENTREGA DA PLACA “HORRESCO REFERENS” AOS VENCEDORES DA MOSTRA COMPETITIVA DE CURTAS, MÉDIA E LONGA-METRAGENS. Entrega da placa de honra ao mérito pela difusão do gênero horror/fantástico aos filmes votados no sábado, no início da mostra competitiva.


18:30 – DOCUMENTÁRIO: “MALDITO! A VIDA E O CINEMA DE JOSÉ MOJICA MARINS”. Exibição do documentário onde o diretor José Mojica Marins (internacionalmente conhecido como “Zé do Caixão/Coffin Joe”) explica o processo de confecção dos seus filmes e os problemas gerados por eles em plena ditadura militar além de curiosidades por trás das filmagens.

MONSTROS QUE SALVAM: Uma idéia que deu o que falar

| quinta-feira, 16 de dezembro de 2010 | 1 comentários |

Quando criamos o projeto "Monstros que Salvam" nunca imaginaríamos que ele seria tão bem recebido entre os escritores e entusiastas do gênero horror/fantástico e confesso a vocês que também cheguei a cogitar a idéia de que muitos iriam pensar em se tratar de uma "arapuca" para se conseguir livros grátis. Quando o primeiro pacote me foi entregue pelo Ademir Pascale vi que ainda existem pessoas que, apesar dos pesares, continuam a sua luta (particular ou não) para promover a cultura e o bem-estar social acima de qualquer suspeita. 

Para todos aqueles que acreditaram no projeto e doaram seja o que for o meu mais sincero obrigado e eterna consideração, mas quem realmente vai agradecê-los serão as famílias e instituições que receberão os alimentos nos quais as doações serão convertidas quando expostas no balcão do Monstros que Salvam que será montado na Mostra Espantomania neste sábado e domingo (18 e 19 de dezembro). Na lista abaixo estão postadas as doações recebidas até o momento e para saber mais sobre os "monstros" que doaram materiais basta clicar no nome grifado em azul acima de cada lista.

Este post é dedicado à vocês, monstros que ajudaram a tornar o Natal de algumas famílias ou instituições mais saboroso e provando que a cultura do horror pode até gostar de mortes, mas se importa muito com a vida!

Iam Godoy - Organizador.
 
HQ - Sergio Aragonés Destrói a DC - (one-shot)
HQ - Sergio Aragonés Massacra a Marvel - (one-shot)
HQ - DC VS. Marvel - (minissérie)
HQ - Badger: Alucinado - (encadernada)
HQ - A Ressurreição de Fênix - (encadernada)
HQ - Tenth: O Último Guerreiro - (minissérie)
HQ - Batman Lobo - (one-shot)
HQ - Wolverine: Aventura na Selva - (one-shot)
HQ - Batman-Hellboy-Starman - (one-shot)
HQ - As Aventuras do Jovem Cable - (minissérie)
HQ - Batman & Tarzan - (minissérie)
HQ - Dentes-de-Sabre: Caçada Mortal - (minissérie)
HQ - Superman VS. Apocalypse: A Revanche - (minissérie)
HQ - Opium - (minissérie)
HQ - Príncipe de Aliors - (encadernada)
HQ - Gilgamesh II - (minissérie)
HQ - Hulk: Futuro Imperfeito - (minissérie)
HQ - Justiça LTDA - (minissérie)
HQ - A Guerra de Luz e Trevas - (minissérie)
HQ - Odisséia Cósmica - (minissérie)
HQ - Os Melhores do Mundo - (minissérie)
GAME - Roko Loko
Livro - Metamorfose: A Fúria dos Lobisomens, Antologia
Livro - Paradigmas: Volume Dois, Antologia
Livro - Caminhos do Medo, Antologia
Livro - Fúria Lupina Brasil, de Alfer Medeiros
Livro - UFO: Contos não Identificados, Antologia
Livro - Brainstorm, Antologia
Livro - Abençoado, de Juliano Sasseron
Livro - Treze Noites de Terror, de Luiz Roberto Guedes
Livro - Sombras e Sonhos, de Álvaro Domingues
Livro - Anjo, a Face do Mal, de Nelson Magrini
Livro - Aos Olhos da Morte, de M. D. Amado.
Livro - O Filho da Máfia, de Gordon Korman
Revista - Fangoria # 160 (Importada)
Revista - Fangoria # 165 (Importada)
Revista - Dimensão X # 01
Revista - Dimensão X # 03
Revista - Zupi Design # 09
Revista - Zupi Design # 10
Revista - Zupi Design # 11
Revista - Zupi Design # 12
Livro - Odisséia nas Sombras, de André Bozzetto Jr.
Livro - Draculea 2, Antologia
Livro - Na Próxima Lua Cheia, de André Bozzetto Jr.
Livro - O Grimoire dos Vampiros, Antologia
Livro - UFO: Contos não Identificados, Antologia
Livro - Sementes no Gelo, de André Vianco
HQ - Boca do Inferno.Com # 02

Novidades da Mostra Espantomania

| quinta-feira, 9 de dezembro de 2010 | 0 comentários |
Como nós utilizamos uma versão FREE do servidor Webnode a quantidade de banda larga referente a Dezembro expirou devido ao grande número de acesssos (eu acho!), tornando impossível qualquer atualização no site até o final do mês. Depois da “salada de pepinos” que a equipe recebeu nesta semana optamos por criar esta extensão do site para informar os espectadores e convidados sobre as atuais mudanças na Mostra Espantomania.

EXTENSÃO DO SITE - CLIQUE AQUI

Divulguem este link para todos os amigos que estão sabendo da mostra ou que gostariam de prestigiá-la.

O Horror agradece!!!

Iam Godoy – Organizador.

PEPINOS & MOSTRAS

| quarta-feira, 8 de dezembro de 2010 | 1 comentários |
 http://3.bp.blogspot.com/_aA2CsGFGnDE/TF9dgOi5sNI/AAAAAAAABeE/TW1T8xil-kY/s1600/pepino-florais.jpg
O que fazer quando uma chuva de pepinos cai torrencialmente em seus projetos? Que tal uma grande salada...^^

Por causa de alguns problemas de programação na subprefeitura da Capela do Socorro a Mostra Espantomania foi substituída pela 22° Mostra Audio Visual Paulista, dirigida pela Petrobrás. Após uma reunião com os agentes responsáveis pelo local do evento decidimos que ao invés de realizar a nossa mostra em conjunto com a da Petrobrás a data seria alterada para os dias 18 e 19 de dezembro para evitar futuras confusões entre as exibições.

E para completar mais esta salada de pepinos estarei postando as novidades agora somente no blog, no Twitter e no Facebook, pois como utilizamos o domínio gratuíto da plataforma webnode a quantidade de megas disponibilizados em banda larga para a manutenção do site superou o limite mensal para as contas free. Resultado... só vou poder atualizar o site no mês que vem (sic.).


Pedimos desculpas aos participantes por mais esta alteração.

Atenciosamente.

Iam Godoy - Organizador 
(que começou a ter uma grande antipatia pelo vegetal).

COMO CHEGAR NO CINEGRAJAÚ ?

| sábado, 27 de novembro de 2010 | 1 comentários |

http://img463.imageshack.us/img463/122/celeste5wi.jpg

Existem diversas rotas para se chegar ao CineGrajaú. Para quem pretende sair do centro da cidade basta pegar o ônibus Terminal Santo Amaro e dentro do terminal Santo Amaro pegar o Terminal Grajaú. Ao sair do Terminal Grajaú seguir pela rua Francesco Geminiani até chegar à Av. Belmira Marin e atravessar a faixa de pedestres que fica em frente de uma escola. Subir a Belmira, entrar na 1° rua à esquerda (Oscar Barreto Filho) e seguir até a rua Rosália Grisi Sandoval (que fica no mesmo sentido). O calçadão Cultural do Grajaú fica a menos de 15 minutos de caminhada da rua Rosália.

Para quem decidir vir de trem (bem mais rápido e fácil) basta pegar a rota Esmeralda e ir até o final (Terminal Grajaú). Ao sair do Terminal Grajaú seguir pela rua Francesco Geminiani até chegar à Av. Belmira Marin e atravessar a faixa de pedestres que fica em frente de uma escola. Subir a Belmira, entrar na 1° rua à esquerda (Oscar Barreto Filho) e seguir até a rua Rosália Grisi Sandoval (que fica no mesmo sentido). O calçadão Cultural do Grajaú fica a menos de 15 minutos de caminhada da rua Rosália.O mapa da rota Esmeralda se encontra abaixo com todas as alternativas.



MAIORES INFORMAÇÕES NO SITE DA MOSTRA
Agradecimento super especial à Alfer Medeiros que me salvou de um AVC ao elaborar as rotas de trem para se chegar à mostra Espantomania. Valeu, velhão... o horror agradece!!!

FUN HOUSE XTREME #18: Especial Espantomania

| | 0 comentários |

Já saiu a edição de número 18 da revista elétrica FUN HOUSE XTREME especialmente dedicada a 1° Mostra de Curtas de Horror/Fantástico do Grajaú (SP). Baixem e fiquem por dentro deste evento que promete assombrar a periferia de São Paulo.

CONHEÇA A SALA CINEGRAJAÚ - zona sul/SP

| quarta-feira, 13 de outubro de 2010 | 0 comentários |
Tente imaginar um local que, após muitos anos sem opções de programação cultural, ganha de uma só vez salas de cinema, teatro, exposições, oficinas culturais e vários espaços para a prática de esporte e lazer, além de escolas e posto policial. O que para muitos fica só na imaginação é realidade para os cerca de 420 mil moradores do distrito do Grajaú, localizado na Zona Sul da Capital. O espaço, batizado de Calçadão Cultural, é um complexo que reúne 14 equipamentos públicos, interligados por um calçadão de três mil metros quadrados, e que estão disponíveis para a população.

A idéia do calçadão foi concebida pela Secretaria das Subprefeituras, por meio da Subprefeitura Capela do Socorro, a partir de uma pesquisa feita em 2007 com os habitantes do distrito Grajaú, em razão do Programa de Qualidade implantando pela secretaria. O trabalho revelou que 80% dos moradores reivindicavam a ampliação das atividades de cultura, esporte e lazer na região. Cerca de R$ 5 milhões foram investidos pela subprefeitura e oito secretarias municipais, desde 2007, nos 40 mil metros quadrados do complexo, implantado em uma área de fácil acesso, na Rua Professor Oscar Barreto Filho, 252, no Parque América, a menos de 800 metros da estação de trem e do terminal de ônibus do Grajaú.

Os equipamentos

Ao longo do 1,5 quilômetro do calçadão feito de blocos de concreto intertravado estão a nova sede da Casa de Cultura Palhaço Carequinha, implantada em setembro do ano passado e ampliada neste ano; os clubes da Comunidade Tancredo Neves e Parque América, que receberam reformas e melhorias; o Clube Sebastião Zilig, implantado no local; um ginásio multiuso para realização de atividades esportivas e culturais recém-instalado e duas praças reformadas. Também há no local um parque linear e outros equipamentos que já existiam, como o 27º Batalhão da Polícia Militar, o Centro de Educação Infantil Parque América, a Escola Estadual de Ensino Fundamental René Muavadi e o Centro de Cidadania da Mulher.

Casa de Cultura

A Casa de Cultura Palhaço Carequinha é gerida pela Subprefeitura Capela do Socorro, em parceria com a Secretaria de Cultura, e desde setembro do ano passado possui uma sala de cinema e um teatro. De lá para cá, o espaço foi ampliado e ganhou quatro salas para oficinas culturais e um hall de exposições, além das salas de administração e secretaria, vestiários e banheiros. Ao todo, cerca de R$ 1,2 milhão foi investido no local.

Na última semana, a casa ganhou um Ponto de Leitura, instalado pela Secretaria Municipal de Cultura no mezanino do edifício. O espaço, batizado de Graciliano Ramos, disponibiliza 1.600 livros, com títulos relacionados à arte e cultura que poderão ser emprestados à população mediante cadastro prévio.

A sala de cinema foi construída pela subprefeitura, mas todo o equipamento de projeção é da organização não-governamental Cineclubistas de São Paulo, que mantém um convênio com a Secretaria Estadual de Cultura e a Subprefeitura Capela do Socorro para oferecer exibições gratuitas. Atualmente, as sessões acontecem às sextas-feiras e domingos. Em breve, o serviço de cineclube será oficialmente inaugurado no local, com a instalação de equipamentos digitais.

No teatro, que funciona desde setembro, a inovação fica por conta do fundo do palco, uma grande porta que pode ser aberta para que o público da rua também assista as apresentações.

Ginásio Multiuso

O espaço de 746 metros quadrados foi construído pela Secretaria de Esportes e será administrado pela Casa de Cultura, em parceria com o Clube da Comunidade Tancredo Neves. No local serão desenvolvidas atividades culturais e esportivas como oficinas de dança, ginástica, judô, kung-fu e capoeira, entre outras. O local também poderá ser utilizado para apresentações e shows.


Clubes da Comunidade

Diversas melhorias foram feitas nos clubes da Comunidade Tancredo Neves e Parque América pela Secretaria de Esportes, que também ampliou a área de lazer no local com a construção do Ginásio Sebastião Zilig, implantado em um terreno da subprefeitura e em funcionamento desde novembro de 2008.

Neste ano, o CDC Tancredo Neves recebeu grama sintética no campo, teve a quadra reformada e a cobertura dos vestiários revitalizada, além de ter a iluminação melhorada. Em 2008, o CDC Parque América, mais conhecido como "Gigantinho", recebeu nova iluminação, novos telhados e reforma na quadra e no ginásio. Outras reformas estão programadas para este ano.

Áreas de lazer

Além de seus equipamentos culturais e esportivos, o Calçadão Cultural também interliga duas praças e um parque linear. A Subprefeitura Capela do Socorro finalizou, na última semana, a reforma dos 900 metros quadrados da Praça José Belo Rezende, que foi contemplada com a troca de piso de todo o passeio e a remodelação do paisagismo. A outra praça, Valdemar Frasseto, com 5 mil metros quadrados, já havia recebido melhorias no início de 2008, quando a subprefeitura terminou a reforma do passeio e do paisagismo e implantou a iluminação. Recentemente, a região ganhou um Parque Linear, feito pela Secretaria de Habitação (Sehab), às margens do Córrego Rio das Pedras, que executou também sua canalização.

Calçadão

O calçadão de três mil metros quadrados não serve apenas para interligar os equipamentos. O espaço conta com um pequeno palco, batizado de Tribuna Livre da Arte, e uma pequena arquibancada, planejados para abrigar apresentações artísticas e sessões de cinema ao ar livre.

Cidadania

Com a instalação do Calçadão Cultural na região, o 27º Batalhão da Polícia Militar que já estava no local, terá maior interação com a comunidade, assim como a Escola Estadual de Ensino Fundamental René Muavadi. O projeto recebeu apoio da Secretaria Municipal de Educação, responsável pelo Centro de Educação Infantil Parque América, e da Secretaria de Participação e Parceria, por meio do Centro de Cidadania da Mulher, que já estava instalado na região e reforçará as atividades do calçadão com a rotina de cursos de formação profissional e geração de renda, além de atividades culturais e orientações e encaminhamentos para casos de violência contra a mulher.

Infra-estrutura

Para atender ainda melhor a população da região e facilitar o acesso ao local, a Companhia de Engenharia de Tráfego realizou, na última semana, a ampliação do trecho de mão única da Rua Oscar Barreto Filho, que agora vai da Av. Dona Belmira Marin até a Rua Edmundo Coube. A Secretaria de Serviços também está promovendo melhorias na iluminação das principais vias que dão acesso ao calçadão, com a substituição de lâmpadas antigas.


O CineGrajaú fica no Calçadão do Grajaú - Rua Professor Oscar Barreto Filho, 252, Parque América - Grajaú.

CONHEÇA O HORROR DIVERTIDO DO ILUSTRADOR NORTE-AMERICANO DAVE PERILLO

| | 0 comentários |

Quem acompanha esta nova fase da Mostra ESPANTOMANIA já deve ter dado boas  risadas e se perguntado: "Hey, quem criou estes desenhos? Eles são hilários!". A resposta está bem abaixo dos seus olhos...

Dave Perillo nasceu em 23 de Julho de 1974 mesmo ano em que o Wham-O introduzida o Slip N 'Slide ... coincidência? Com fortes indícios da cultura pop norte-americana o artista encontra inspiração para seu trabalho nas seguintes fontes: nos filmes de ficção científica da década de 1950, em Charles Schultz (saudoso criador do carismático  cãozinho Snoopy), Jim Flora, Ray Harryhausen, Roy Lichtenstein, Jim Henson (quem não se lembra dos Muppets?), os desenhos da Hanna Barbera, The Twilight Zone (conhecido por aqui como "Além da Imaginação"), das obras do pai do suspense, Alfred Hitchcock e demais ícones do mistério e do horror. Dave Perillo exibe toda a sua imaginação nas páginas do seu blog, o Montygog e em seu perfil no site Deviantart, duas páginas para serem degustadas como todo bom cinéfilo aprecia...


Atualmente o artista mora no subúrbio de Filadélfia, trabalhando como ilustrador e acredita que o boliche é um esporte de reis e um saco de peixe sueco é um jantar de frutos do mar. Todops os desenho utilizados na composição da Mostra Espantomania foram autorizados por email pelo seu criador. Para entrar em contato com Dave Perillo sobre comissões, questões ou apenas bater um papo amigável, entre em contato com o artista pelo seguinte e-mail: montygog@yahoo.com.

Veja o prêmio HORRESCO REFERENS

| quinta-feira, 7 de outubro de 2010 | 0 comentários |
O prêmio “Horresco Referens” foi uma forma que encontramos de homenagear os participantes da mostra por sua participação e amor incondicional ao cinema de horror.


O nome, de origem latina, significa “Arrepio-me só de contar” e faz parte do Livro II da Eneida, onde Enéas descreve as serpentes que saíram do mar para matar Laocoonte, o adivinho que se opunha à entrada do Cavalo de Tróia na cidade. É uma frase de muito efeito em meios cultos ao se descrever alguma coisa que causa muito medo e é com esta premissa que utilizaremos a placa para homenagear não só os cineastas do horror/fantástico e sim todos que de qualquer forma “dão seu sangue” para a difusão deste gênero tão marginalizado.

A imagem abaixo é uma versão demo de como será o certificado. As insígnias serão depositadas de acordo com a quantidade de votos que o participante recebeu durante as votações na mostra e vão de 1 a 5 premiações. Os participantes que receberem 5 insígnias receberão também um prêmio surpresa (ainda em discussão pela equipe de produção da mostra).


O design do certificado foi elaborado por R.Raven

Alguns dos trabalhos já confirmados

| quarta-feira, 6 de outubro de 2010 | 0 comentários |
DEVANEIOS DO CONDE LOPO
 (horror, 1997, Mauá/BR, 16 min., Direção: Marcos T. R. Almeida e José Salles)

Uma noite sobrenatural na companhia de Conde Lopo, personagem criado por Álvares de Azevedo e revivido por Marcos T. R. Almeida, diretor e produtor da Corvo Produções.

LUA PERVERSA
(horror/lobisomem, 2008, Florianópolis/BR, 26’17”, Direção: André Bozzetto Junior)

No início do século XX, um homem decide visitar alguns parentes no interior. Uma história de lobisomem tipicamente brasileira, baseada no folclore gaúcho, mas contada de uma forma diferenciada.


FALE COMIGO
 
(horror/ficção, 2009, São Paulo/BR, 09’04”, Direção: Audrey Martiliano , Renata Agudo)

Fábio está tendo problemas em seu relacionamento com Mariana. Ao mesmo tempo fenômenos estranhos e alucinações de um passado perturbador vêm assombrá-lo, levando-o a uma encruzilhada.

MARISCOS & MIOLOS
 
(horror/humor, 2007, Florianópolis/BR, Direção: Renan Blah, Gil Caruso)

O pirata argentino Chico Drake tenta recuperar a sua jóia a todo custo, engolida por um morto-vivo. Zumbis surfistas, piratas argentinos, e um hippie mestre em artes marciais neste engraçado curta do S.H.A.P.T.


ERA DOS MORTOS
 
(horror/zumbis, 2007, Minas Gerais/BR, 40’19”, Direção: Rodrigo Brandão)

“Era dos Mortos” é um projeto independente, feito por quatro amigos que conta a história de um ataque de mortos-vivos a alguma cidade mineira.


BEHEMOTH
 
(horror, 2003, Brasil, 5'40'', Direção: Carlos G. Gananian)

Um estranho ritual de magia negra acaba tornando-se um pesadelo de consequências desastrosas para um fiel orador.

COAGULA
 
(horror/ficção, 2005, Brasil, 3'17'', Direção: Carlos G. Gananian)

Um psicopata com cara de boneca (?) faz experiências com uma mulher utilizando uma substância que não deixa seu sangue coagular. Segundo curta deste diretor que preza pelo non-sense e surrealismo em seus trabalhos.

AKAI
 
(horror/ficção, 2006, Brasil, 20 min., Direção: Carlos G. Gananian)

O filme conta a história de um vampiro que luta contra sua natureza, vivendo em eterno conflito, buscando evitar seus instintos naturais.


MANGUE NEGRO
 
(horror/zumbis, 2009, Perocão/BR, 105 min., Direção: Rodrigo Aragão)

Certo dia, em uma comunidade de pescadores e catadores tão pobres quanto fora do tempo, a natureza resolve mostrar seu lado macabro. Do manguezal de onde sai o mísero sustento emergem zumbis canibais.


ZOMBIO
 
(horror/humor, 1999, Palmitos/BR, 45 min., Direção: Petter Baiestorf)

Um casal decide ir a uma ilha abandonada para “namorar” e é atacado por zumbis. Filmado e dirigido por Petter Baiestorf, “Zombio” é o 1° filme de zumbis tipicamente brasileiro.

O LIVRO DE JÓ
 (horror/zumbis, 2010, Brasil, 08'34'', Direção: Renato Rodrigues)

Jó volta para casa para encontrar seus familiares contaminados com uma doença que os transformou em canibais alucinados e disformes. Acreditando ser uma obra do “mal” ela começará a eliminar uma bala por vez todos aqueles que ama.